Páginas

Quem sou eu

Minha foto
Sou um mensageiro. E por muitas vezes sou também a mensagem.

domingo, 20 de março de 2011

Deusa

Diante dos meus olhos
tornastes Deusa
Dona do meus delírios
Deusa dos jardins de lírios
Sigo teus calcanhares
por todos os lugares

Na balsa à beira mar
nossos destinos se encontraram
mas não se entrelaçaram
como era de se esperar
numa Fábula
feita pra encantar

Enquanto isso
eu fico na janela
a pensar no início
da cor
no fim
da dor

Um comentário:

  1. Parabéns! Achei isso aqui genial.

    "Dona do meus delírios
    Deusa dos jardins de lírios"

    Também tenho um blog, mas não é de poesias, se tiver um tempinho, passa lá.

    http://anarchyink.blogspot.com/

    Parabéns, novamente

    ResponderExcluir

Ninguém é autossuficiente de pensamento.