Páginas

Quem sou eu

Minha foto
Sou um mensageiro. E por muitas vezes sou também a mensagem.

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Noite estrelada sobre o rio Rhône*





Muito além de nossos pensamentos
reina um vasto negro céu
São estrelas levadas pelo vento
Num tango de Carlos Gardel

O que as estrelas querem falar,
sussurrando baixinho, acima do mar?
Conversam com a lua, madame do céu
que de branca só tem metade
a outra, vive escondida sob um negro véu

Essa é mais uma noite de inverno
delicada, burilada com esmero
Mais uma noite fria e morena
de brisa calada, simples e serena

O rio é resto do céu, espelho d'água
embeleza a noite de pinceladas
As estrelas são vagalumes
que roubam a cena e saem impunes

Ao fundo, no distante horizonte
vê-se as luzes da cidade quase apagada
Cada um tem uma hitória que conte
de uma noite assim estrelada

um homem sorridente
e uma mulher apaixonada
Apreciavam de longe
aquela noite enluarada


* Nome do quadro (Van Gogh)


4 comentários:

  1. Que coisa mais linda!!!
    Muito bom mesmo!
    Gostei!

    ResponderExcluir
  2. Eu diria que esse texto é um texto foda!
    Perdoe-me a boca suja e a colocação com palavriados "xulos", mas ele resume bem! Hahahaha! Massa!

    Abraços.

    ResponderExcluir
  3. uau...muito massa esse texto :D

    ResponderExcluir

Ninguém é autossuficiente de pensamento.