Páginas

Quem sou eu

Minha foto
Sou um mensageiro. E por muitas vezes sou também a mensagem.

segunda-feira, 16 de abril de 2012

ponto cego


quando eu olho para o nada
eu me sinto mais eu
quando eu olho distante
eu penso
e me sinto
um pouco parecido
comigo mesmo

tenho medo de despediçar
as coisas que eu tenho
pra oferecer
nesse mundo
onde nada
vale nada

Quando eu olho longe
eu sinto que nada
o mundo tem a me dar

sou apenas um ponto cego
num mundo vigiado
não somente por Deus
Estes são tempos difíceis
onde até ser invisível
é quase impossível

quase

eu digo
quase

Esses túmulos que eu cavo
a todo instante
não me serviriam
de abrigo se eu morrer
eu cavo pra cegá-los
eu cavo para me enterrar
para ninguém me ver
eu cavo escrevendo
e eu espero
que ninguém me veja
por debaixo
destas humildes
palavras tolas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ninguém é autossuficiente de pensamento.