Páginas

Quem sou eu

Minha foto
Sou um mensageiro. E por muitas vezes sou também a mensagem.

quarta-feira, 6 de maio de 2015

lua

Asfixiado
pela própria palavra sufoco,
revisito meu dicionário a procura
de novas palavras, quem sabe até
novos significados, novos abreviações
e rimas.

Resignado
pela própria resignação que me
asfixia, nas voltas e revoltas
do mundo pós moderno,
que ficou embaixo do sapato.

E de todas as arestas que fazem de um cubo
um cubo, você retrata a mais distante de onde
permaneço imóvel. planos, sejam cartesianos
ou mesmo os meus, não farão o apocalipse chegar
mais rápido do que ele já está chegando.

queria até falar da métrica,
das minhas inspirações
e da lua, imóvel em sua
rapidez,
mas não vou. 


Um comentário:

Ninguém é autossuficiente de pensamento.