Páginas

Quem sou eu

Minha foto
Sou um mensageiro. E por muitas vezes sou também a mensagem.

domingo, 27 de março de 2011

O quarto

Somente mais uma quarto
sem amor, ser cor
todo desbotado
quarto vazio
quadrado e sem espaço

Um habitante
do reino distante
vive no seu hangar
planejando
vôos em outros mundos
quando sua cabeça
começar a trabalhar

O quarto cheio de livros
alimenta todos os seres vivos
presentes naquele enorme
ecossistema
tem ração pra traças e humanos
de fome ali ninguém morre

o habitante misterioso
vive trancafiado
quase nunca sai dali
apagou a luz e fechou a porta
ponto final no poema
o habitante foi dormir


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ninguém é autossuficiente de pensamento.