Páginas

Quem sou eu

Minha foto
Sou um mensageiro. E por muitas vezes sou também a mensagem.

domingo, 17 de março de 2013

das reticências I

Na noite, sob a luz dos vagalumes
caminho num solo de pedra
de pedras agudas e cortantes
caminho para o nada
corto meus pés
corto minha alma
mas acabo chegando
onde queria chegar.

Acabo parado
a observar a beleza
passageira
de lugar nenhum.

2 comentários:

  1. Está vendo esse lugar na sua frente?! É - quase - todo seu. E isso já faz dele algum lugar!

    ResponderExcluir
  2. Sem o seu olhar, meus textos seriam só no singular!! Obrigado por me alertar sobre a pluralidade dos estranhos!!!!

    Ah, sua versão é a melhor!!! Outro dia aconteceu parecido comigo, mas eu acho que era xixi mesmo!

    ;o)

    ResponderExcluir

Ninguém é autossuficiente de pensamento.