Páginas

Quem sou eu

Minha foto
Sou um mensageiro. E por muitas vezes sou também a mensagem.

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Noite

Essa carne branca
nessa noite escura
subindo e descendo
carregando olhares
Essas curvas tortas
na beira de um abismo
de tristeza e melancolia
escondidas pelas sombras
e por toda a maquilagem
Na boca vermelha escarlate
guardo minha cutelaria
meus dentes afiados
pra mordiscar teu corpo
No bojo do sutiã
os seios ainda ristes
eriçados , apontam para o além
buscando horizontes
no céu de alguma boca

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ninguém é autossuficiente de pensamento.