Páginas

Quem sou eu

Minha foto
Sou um mensageiro. E por muitas vezes sou também a mensagem.

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

umbilical

O que mais haveria no mundo
além dos teus dedos
e de tua pele risonha?
Além das fronteiras
que ainda nos cabem,
não sei o que há para mim.
Por hora, tenho você
pra me ouvir e fazer rir.
Por hora, tenho tua mão;
pra sentir teu coração
com quem não quer nada.


 [silencia-me]


Eu o quero pra mim.

Um comentário:

  1. Não sei se são os últimos dias tão a flor da pele e cheios de tantos sentimentos como medo, ansiedade, solidão, vontades... Ou se esse poema realmente me deixou com a garganta engasgada de choro.

    Talvez os dois... Sim, os dois!



    P.S.: lembre-se do que disse o Mestre dos Magos, meu amigo!!!

    ResponderExcluir

Ninguém é autossuficiente de pensamento.