Páginas

Quem sou eu

Minha foto
Sou um mensageiro. E por muitas vezes sou também a mensagem.

terça-feira, 27 de agosto de 2013

outorgado

à Matheus Matos e a todas as nossas conversas nestas madrugadas frias. Dormir à noite é para os loucos, meu caro. E não, a mordida não é no lábio dele.

Para exercitar meus dentes,
mordo teu lábio.
Para exercitar a morte
despeço-me.

Um comentário:

Ninguém é autossuficiente de pensamento.