Páginas

Quem sou eu

Minha foto
Sou um mensageiro. E por muitas vezes sou também a mensagem.

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Bios

                                                           à Letícia.

Há um homem em minha rua
correndo, desolado
Seu traje não o sustenta
sangra por  todos  os poros
já não chora

Corre em busca de sua vida
suas feridas já não coagulam
há um homem em minha rua
ruminando o passado
Ele está numa montanha
não houve ninguém
ouve

A menina lhe disse:
"É só saudade"
E era.

Saudades de colo
de ouvidos e calor

4 comentários:

  1. Estas saudades tem um poder esmagador... Aperta a garganta. Rasga. Faz sagrar.
    Chorei ontem. De desejar um colo. Bom ler isso nesta minha ressaca.

    Um beijo, João.

    ResponderExcluir
  2. Ah querido João, que belas palavras!
    Sua Bios se perde em tantos pensamentos.

    ResponderExcluir
  3. E sentir essa "só saudade", esmaga o arcabouço dos nossos peitos.

    ResponderExcluir

Ninguém é autossuficiente de pensamento.